Você deve estar cansado de saber que, tudo que um dia entra na internet, fica lá para sempre e, uma vez lá, seus dados, fotos, vídeos e arquivos estão sujeitos à quaisquer pessoas, ataques e utilizações.

Um exemplo muito interessante é o da empresa Sony, que em 2011 teve um de seus serviços, o Playstation Network (PSN), hackeado, ficando fora do ar por mais de um mês, e se ainda não bastasse, quase 80 milhões de contas dos usuários foram roubadas, dando um prejuízo estimado em mais de US$ 2 Bilhões de Dólares!

Realmente, dados não são brincadeiras. Mesmo que casos como esse não costumam ser a regra, eles foram planejados e estruturados tendo como alvo uma empresa específica e, provavelmente, com interesses específicos. E, o que nos resta é nos protegermos desses ataques, afinal, também podemos ser um alvo.

Para isso, agrupamos 7 DICAS importantes para você manter os seus DADOS PROTEGIDOS e com segurança, confira:

 

1 – Diga não à Pirataria!

Em qualquer nicho de mercado, empresas necessitam de softwares para trabalhar, já que estes fornecem ferramentas específicas para cada função, como é o caso de designers, que utilizam as ferramentas Adobe, por exemplo.

Muitas vezes e, principalmente em empresas menores, softwares como tais costumam ser muito caros, o que acaba não se encaixando no orçamento da organização, fazendo com que haja instalação de softwares piratas utilizando ativadores, como os famosos cracks, por exemplo.

O problema é que esses ativadores geralmente surgem de fontes desconhecidas, sendo baixados por milhares de pessoas e, em vários casos, alterados por alguns crackers para instalação de programas indesejados e, com eles, a obtenção de dados e informações presentes no seu computador.

Portanto, priorize a compra de programas originais para que esses ataques não aconteçam com você!

 

2 – Atualize os softwares.

Softwares originais disponibilizam atualizações constantes. Apesar de simples, essas atualizações fornecem a correção de bugs e problemas que possam surgir na utilização durante e depois do expediente.

Além disso, a atualização do seu Antivírus, por exemplo, fornece a você novas listas de programas maliciosos, mantendo sempre o servidor protegido dos novos hackers e prováveis invasões.

 

3 – Criptografia é essencial.

Criptografia é um termo que foi muito difundido através de filmes como o Matrix, por exemplo. Mas, essa atividade além de real é importantíssima e pode assegurar seus dados como nunca!

A criptografia de dados cria códigos aleatórios e quase indecifráveis a partir dos seus dados originais, como planilhas e documentos. Sendo assim, se houver um ataque hacker em sua empresa, você estará seguro já que aquele que roubá-lo não saberá o que está escrito ali e, muitas vezes, não saberá nem como decifrar.

 

 

 

4 – Segurança de senhas.

Se você já se registrou em alguma plataforma online, é bem provável que já tenha se deparado a frase “sua senha está muito fraca”. A primeira vista ela irrita muita gente, mas, senhas fortes dificultam o acesso por invasores.

É muito comum que datas de aniversário ou números de telefone sejam utilizados como senha por usuários no mundo todo, afinal, são combinações que são difíceis de você esquecer. É pensando nisso que sites reformularam sua forma de fazer senha, pedindo a inserção de caracteres especiais, como o “@”, _ (underline) ou então pontos de ortografia, como a exclamação “!”, por exemplo.

 

5 – Redes Privadas (VPN)

Redes privadas, ou as famosas VPN, são redes criadas e sobrepostas às redes consideradas públicas, como a de sua internet, por exemplo.

Essas redes permitem o acesso apenas sob a necessidade de login e senha, prejudicando aqueles que tentarem entrar sem fornecer esses dados. Além disso, evite utilizar redes públicas com seus aparelhos e aparelhos de sua empresa, já que, uma vez públicas, qualquer um pode fazer o acesso de dados.

 

6 – Funcionários preparados.

Os seus funcionários são peças importantíssimas desse jogo. Capacitar e ensinar a eles sobre dados e proteção online fornece à sua empresa um conhecimento fundamental da proteção de dados, não deixando exclusivamente para os setores de TI.

Além disso, manter contratos de sigilo de informações com seus funcionários dão à você mais liberdade e segurança para trabalhar, garantindo dessa forma também a colaboração dos mesmos.

 

7 – Invista em um antivírus completo!

Abstrato vetor criado por macrovector - br.freepik.comAssim como o funcionamento de remédios no seu corpo, os antivírus funcionam igualmente no seu computador.

Eles servem para manter o ambiente de trabalho seguro, estando em constante varredura de dados para detecção de novos e até mesmo antigos malwares (vírus) no seu computador.

Além disso, como dito anteriormente, mantê-los atualizados também é de suma importância, já que estarão sempre abastecidos com os novos vírus presentes na internet e protegerão você e seu sistema caso eles apareçam no seu servidor.

 

Conclusão

Manter seus dados seguros é uma tarefa fundamental para sua empresa, já que eles são a fonte de toda a informação presente ali.

Portanto, manter ações de prevenção e precaução são passos importantes à seguir, já que são eles que podem garantir a segurança de toda a informação da sua organização, prolongando assim o tempo de vida de sua empresa e, consequentemente, aumentando a confiança de seus clientes e funcionários.

Além da praticidade e agilidade dos softwares LogoSystem, nós fornecemos ferramentas seguras para a utilização em sua empresa, recebendo constantes atualizações e modificações, sempre prezando pela saúde de seus dados e das informações de sua organização.