Tudo o que você precisa saber para implantar na sua empresa

A partir da segunda década do século XXI, próximo à meados de 2010, o surgimento da consciência de sustentabilidade começa a se instaurar nas fábricas e no mercado mundial, inclusive no Brasil.

No caso do Brasil, por se tratar de um país tropical e tomado por vegetação e biodiversidade, essa consciência toma ainda mais conta da mentalidade de consumo das pessoas, o que influencia paralelamente nos métodos produtivos e industriais.

Isso significa que é necessário se adaptar às novas formas de produção desses moldes.

 

Entenda a seguir a importância da sustentabilidade no meio industrial e os impactos dela no dia a dia das fábricas.

 

Economia de recursos

Principalmente no caso de grandes indústrias que necessitam de equipamentos que consomem muita energia e água, a economia de recursos é um dos elementos alvos, consequência da mentalidade criada com base na sustentabilidade.

Um ótimo exemplo disso são empresas que possuem a automatização dos processos, ou seja, máquinas que operam programadamente e que consomem menores densidades de recursos em períodos de tempo pré-determinados e, em muitos casos, desligam-se automaticamente quando não há necessidade.

 

Diminuição da emissão residual

Além do fator natureza, ou seja, que impacta diretamente na extração da matéria-prima no meio ambiente, a diminuição da emissão residual é um assunto muito discutido nos pilares da indústria 4.0. 

De maneira prática, dentro de uma indústria que possui alicerce na sustentabilidade, esse avanço se dá devido à manufatura aditiva, cujo funcionamento é a partir da adição de matéria-prima até a finalização do produto. Dessa maneira, somente aquilo que será utilizado estará disponível no processo produtivo, diminuindo drasticamente a quantidade de resíduos gerados e, claro, evitando o desperdício.

 

Reciclagem de matérias primas

A reciclagem é um processo antigo mas que vem se atualizando a partir da mentalidade sustentável. Ela consiste basicamente em reutilizar materiais reciclados para a criação de novos materiais ou dos mesmos materiais da etapa anterior.

Isso acontece muito com a indústria vidreira, por exemplo, que utiliza vidros de terceiros e também os resíduos de sua própria produção para inseri-los novamente no início da cadeia de produção, derretendo-o novamente e dando continuidade na cadeia de produção.

Quais os pontos positivos da reciclagem? Simples! Menos custo e mais produção!

 

Atribuição de valor à marca

O Termo Eco-friendly nunca esteve tão em alta. Marcas gigantescas como por exemplo a marca de roupas Reserva ou até mesmo a de produtos coloniais Campo Largo utilizam dessa ferramenta para promoção de marca.

Considerando que existe uma nova tendência sustentável, a percepção e o relacionamento do cliente com as marcas também muda consideravelmente. Na busca de produtos do cotidiano o consumidor começa a notar que aqueles que produzem a partir de processos sustentáveis também se preocupa com o meio-ambiente, agregando assim muito mais valor para o produto final, mesmo podendo pagar um pouco mais caro.

O mesmo acontece ao contrário, como é o exemplo da marca Gucci, que depois de muita pressão resolveu parar de utilizar matéria-prima animal na construção de suas roupas. Caso contrário, muitos problemas para a marca viriam.

 

Conclusão

Organizar sua empresa para uma mentalidade sustentável, portanto, pode não parecer uma tarefa fácil. Mas, se você possuir dados concretos de sua produção e ter a oportunidade de visualizar holisticamente a organização, o processo de tomada de decisão alavanca consideravelmente.

Conheça os nossos softwares de gestão e expanda ainda mais o conceito de sua empresa!